segunda-feira, 17 de abril de 2017

Quadrilha invade contas de bancos e usa dinheiro com farras e ostentação

A quadrilha é formada basicamente por jovens entre 25 e 30 anos. Ao todo, 13 pessoas foram presas na Operação 'Valentina'.



Uma quadrilha de hackers invadiu milhares de contas de bancos mandando e-mails falsos para os correntistas. O cliente preenchia os dados pedidos e enviava, sem saber que estava caindo em uma armadilha.

Joias, relógios, carros de luxo e um apartamento à beira-mar em Fortaleza foram o alvo principal da Operação "Valentina", da Polícia Federal do Ceará. Valentina, que deu nome à operação, é uma cadela da raça Golden Retriever tratada com muita mordomia.

O alvo da polícia era o dono dela, Arthur Franklin de Sousa Lima. Ele fazia questão de mostrar em redes sociais a vida de luxo que vinha levando. É apontado como líder da quadrilha que fraudava pela internet contas de pelo menos três bancos.

A quadrilha é formada basicamente por jovens entre 25 e 30 anos. Eles utilizavam esse dinheiro em farras, viagens, ostentação. Ao todo, 13 pessoas foram presas

Nenhum comentário:

Postar um comentário